sexta-feira, 27 de fevereiro de 2009

APAIXONE-SE

AMOR VERDADEIRO

23 de Fev de 2009
Amor verdadeiro é um desejo que todos os humanos tem. Mas, muitos, hoje, se fecham uma vez que tenham experenciado qualquer dor e eles decidem que a dor não vale a pena. Estar disposto a sentir a dor é o que permite o amor verdadeiro ser possível na experiência humana. O medo bloqueia todo o amor de fluir, mas você é amor, e isto sempre será verdade, então ele sempre estará lá esperando. A decisão é sua de quanto tempo mais escolherá permanecer fechada... pensando que está evitando a dor. Desejar soltar o medo, permitir que o amor na sua forma mais superior flua através e para você é a marca de uma consciência amorosa muito aberta.

Os sonhos se tornam verdade para aqueles que verdadeiramente acreditam nos seus sonhos, que se movem adiante e agem em direção aos seus sonhos independentemente do resultado que possa ocorrer. É o sonho... não o destino que importa! E apenas você conhece sua própria verdade. O que acontece quando você e também
outros acreditam que precisam seguir o que a sociedade chama de regras da
vida... “como as coisas devem ser” ... “o que é a beleza verdadeira” ... baseado em preconceito e controle de poder. Pergunte a si porque você acreditaria que alguma coisa ou alguém é menos bonito que outro? Porque o outro seria mais inteligente? O que poderia possivelmente ser menor... quando TODOS foram criados por Deus? E todos são parte de Deus!

Você precisa aprender a rir mais de você, e se dar conta que tudo é aprendizado. E você não pode aprender bem se não pode rir da experiência algumas vezes! É o seu coração que deve falar mais alto e deixar de lado os pensamentos negativos daquilo que outros dizem ou do que você vê ou lê, que a levam longe da sua verdade. Ouça seu coração e flua a partir dele... viva a partir da verdade do seu coração e conhecerá sua Alegria!

Alegria é o destino final nesta vida. Isto é o porquê veio – para encontrar sua Alegria! Saiba que uma vez que encontre sua alegria, você encontrará seu amor interior e isso irá lhe conectar de volta ao seu eu verdadeiro. Esta é a jornada para o Amor... através da
alegria. Você pode fazer isto mais engraçado se escolher ver como um caminho para casa... e rir em vez de chorar através dos seus desafios. A risada cura tudo, e a melhor mensagem que podemos lhe dar hoje... apenas ria e se divirta com tudo o que
fizer.. .e saiba que é esta alegria que está faltando na sua vida hoje. Aprenda a depender de você... você é forte. Libere as paredes de medo, absolva-se de todas as experiências que bloqueiam o amor, e abra a porta do seu coração. Pois o amor verdadeiro é o Ouro feito do éter... a alquimia do Amor. Ele a ouvirá e virá à você!

Seja forte, sempre são os da sua natureza, os românticos, que abrem o caminho para muitos que podem ter perdido a parte deles mesmos que acredita no amor maior... o verdadeiro Amor. A evolução da humanidade é através da vontade de ver além do que está na frente... isto está mudando. Ser parte da mudança é desejar ter a coragem de se mover adiante com seus sonhos. Escolha com sabedoria, pois todos que escolherem este sonho do amor verdadeiro irão pavimentar o caminho para a “nova” realidade baseada no Amor Divino em todas as suas formas variadas. Então todos conhecerão grande alegria!
(Sol´Ara Na)

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2009

AMAR É INEVITÁVEL

Amar é uma viagem a ser feita com alguém, na qual, ao mesmo tempo em que desfrutamos essa entrega, desvendamos os mistérios que ela nos apresenta a cada momento. O amor é uma força que nos leva a enfrentar todos os nossos medos, criados desde as primeiras experiências dolorosas de aproximação.


Nos torna corajosos e ousados, prontos a desafiar o tédio e o comodismo, a enfrentar o cotidiano, sem deixá-lo se transformar em rotina. Ele faz nos sentirmos aprendizes, concedendo-nos a suprema compreensão de que, quando somos movidos pelo impulso do amor, realizamos algo.

No amor, não estamos nos submetendo ao outro, mas sim obedecendo às ordens do sábio que existe dentro de nossos corações. O amor nos dá coragem para enfrentar todas as mensagens negativas ouvidas na infância, do tipo "homem não presta" e "mulher só dá trabalho", que poluem nossos pensamentos.

É um sentimento que nos proporciona a sensação de gratidão para com a existência; um sentimento de ser abençoado pela dádiva divina. Em retribuição, somos levados a cuidar desse amor. Por isso, não podemos exigir a perfeição do ser amado, pois, como dizia o filósofo grego Aristóteles: "O amor é o sentimento dos seres imperfeitos, posto que a função do amor é levar o ser humano à perfeição".

O amor é muito mais que o encontro de dois corpos, muito mais que a união entre duas pessoas. É a própria consciência da existência: a crença nas forças divinas, que cuidam de todo o universo e que nos levam um ao outro, com a mesma fluidez com que aproximam uma nuvem de uma montanha, que nos proporcionam é uma força sobre-humana que dão energia ao vento, ao mar e à chuva e que nos tornam grandes como pinheiros gigantescos.

No amor, seguimos um caminho realizando uma história, cujo final, apesar de todo o nosso conhecimento, só vamos saber quando a completarmos. A única certeza que temos é a de que o amor é uma condição inerente ao ser humano. Assim como a flor emana seu perfume, o homem naturalmente exala o amor.Isso é tão inevitável quanto é impossível proibir a terra molhada de desprender seu cheiro.

Roberto Shinyashiki

domingo, 8 de fevereiro de 2009

AMOR INCONDICIONAL É UM ESTADO DE SER

Gloria Wendroff em 24 de janeiro de 2009

Tantas coisas foram ditas no mundo a respeito do amor incondicional, que ele acabou se tornando uma terminologia, uma causa, um esforço, e às vezes, um fingimento. Quando alcanças este estado chamado amor incondicional, simplesmente não pensas nele. Amar não é como aprender uma coisa e depois aplicá-la. Amar incondicionalmente não significa que não vês certas condições, também não quer dizer que as evitas. Não significa enganar a ti mesmo.

É bom ter a intenção de amar apesar de qualquer coisa, mas abandona o conceito de amor como um mandamento. O amor não é uma ação, é um estado de Ser, é um estado natural. Tem que ser um estado natural, senão será forçado ou será um fingimento.

Dizer a alguém que ele tem que amar incondicionalmente é como dizer a uma pessoa que está sentada no primeiro degrau de uma escada que ela tem que pular instantaneamente para o degrau do topo. Quando ela estiver no último degrau da escada, nada precisará ser dito a respeito disto.

Os Grandes Seres Espirituais não assumiram características, não havia razão para isto. Eles simplesmente foram quem eram. Eles não tinham nenhum sentido de conquista. Não houve nenhum esforço, eles não se avaliavam nem desejavam ser todo-amorosos. Eles eram todo-amorosos. O desejo deles era servir a Deus. Era para isso que a atenção deles se dirigia. Eles não estavam tentando ser alguma coisa, eles eram alguma coisa. O amor, na sua forma mais pura, era o que eles tinham para dar, e eles deram-no.

Eles não adotaram um estilo de amar, do mesmo modo que não adotaram um estilo de caminhar.Eles não cultivaram uma imagem de si mesmos. Não tinham uma lista de atributos para seguir. Seguiam a Deus. Eles nunca se esforçavam para encontrar a si mesmos, encontravam a si mesmos em Deus.

Tu já estás crescendo em direção ao amor puro. Estás irradiando mais luz a cada dia. Compreendo que não percebas isto. É imperceptível para ti. Sabe que só podes crescer, querido; estás na Terra para crescer. Então estás crescendo e estás crescendo bastante!

Tradução: Vera Corrêa veracorrea46@ig.com.br