sábado, 4 de julho de 2009

QUEM É DEUS?

*
Número um:
Deus é a energia que representa o amor. Deus é infinito em suas partes, no entanto específico em sua identidade. Se estiver faltando uma parte de Deus, então Deus não existe... Deus é a inteligência cósmica criativa do universo e você é uma parte de Deus. Você é uma parte da força criativa do universo e uma parte de tudo o que é. Pode não parecer assim para você, mas isto é realmente o que está escondido do ser humano.

Número dois: Deus é uma parceria, não uma entidade singular. Deus é espetacular em números, como uma legião de luz e é um parceiro para você. Você está aqui apenas por um tempo jogando um quebra cabeças com o qual concordou. O cerne do quebra cabeças é este: você pode descobrir quem é enquanto está aqui, porque se puder você muda a realidade do planeta. Os humanos não sabem que são divinos. Isto é o que vocês são. Vocês sentem a parceria com o criador do universo e sabem que ele flui em suas veias. É parte de seu DNA... uma parceria espetacular.

Número três: Deus é uma coleção muito grande de entidades universais, cuja energia se parece com a sua. Há mestria em seu DNA. Vocês têm as mesmas ferramentas que os maiores mestres do planeta. Sabiam disto? Lembrem-se de que eles eram humanos! O ser humano decide por si mesmo quem ele é e o quão grande ele deseja ser. Este é o quebra-cabeças diante de vocês, o de que vocês têm a habilidade de descobrir sua parte no cosmos... ou não.

Numero quatro: A forma como Deus trabalha é através da divindade do ser humano na Terra. Esta é a forma como Deus trabalha... através de você. Não há nenhuma outra forma. Vocês são pedaços de Deus que elevam a vibração do planeta através de seu trabalho no “quebra-cabeças”. Deus não desce e toca os seres humanos. Os humanos, através do livre arbítrio, abrem os portais dentro de si mesmos e permitem a luz de Deus fluir através de si. É assim que Deus trabalha…

Número cinco: Não há nenhum julgamento de Deus por suas ações enquanto estão na Terra, pois os seres humanos são totalmente responsáveis pelo que fazem. Vocês foram trazidos aqui para poderem decidir entre ir para a luz ou para a escuridão. Se escolherem ir para a escuridão, a decisão é sua. É para isso que vieram para cá, é parte do livre arbítrio. Deus não irá julgar vocês por seu livre arbítrio, pois os ama apenas por estarem em sua jornada! A própria história de um anjo, tornando-se Lúcifer, é a metáfora do poder do ser humano de desenvolver o mal. Está dentro do seu poder tornar-se luz ou escuridão. Você representa a luz mais brilhante e a escuridão mais obscura no planeta… nenhuma força externa é necessária.

Número seis: A comunicação com Deus é direta – de Ser humano para Deus. Você não precisa sentar-se em grupo para se comunicar. Você não precisa escrever sobre isto e passar para outra pessoa para que ela leia e converse com Deus. Não há fila para falar com Deus. Não há tempo certo ou errado para Deus, pois a comunicação é sempre “agora”. Abençoado é o ser humano que se conecta com a divindade, pois se ele realmente quiser descobrir o que está em seu interior, o processo começará. E aquelas belas entidades que lhe guiam vão começar a empurrar aquela porta de comunicação entre você e seu Eu Superior. Será aí então que você começará a senti-lo, e saberá que este é um espaço sagrado, sabia? É um lugar seguro.

Número sete: Ninguém na Terra precisa sofrer por Deus. Este não é o jeito de Deus. Vocês não acham que já tiveram sofrimento demais, sem Deus criando regras para que haja ainda mais sofrimento? Eu falo com aqueles que têm estado na escuridão por muito tempo e que podem estar deprimidos e infelizes. Sua saúde pode estar sofrendo ou talvez você tenha um relacionamento sem solução. Vocês precisam entender, queridos seres humanos, que o sofrimento é algo que vocês fazem muito bem, por conta própria! Não é o que Deus quer para vocês. Deus jamais pediria um ser humano para sofrer.

Número oito: Deus não requer ou deseja adoração de qualquer tipo. Abençoado é o ser humano que procura por Deus e encontra amor! Abençoado é o ser humano que toma a mão de Deus e permanece como um parceiro em igualdade! Este é aquele que terá uma vida longa e que caminha em equilíbrio. Este é aquele com mestria interior e com quem todas as pessoas querem estar.

Número nove: Vocês não precisam ir à escola para reconhecer sua própria face ou para tocar a mão de Deus, vocês tem a escola em seu interior. Nesta nova energia, há processos que lhe ajudarão a ver as novas ferramentas de sua própria consciência. Deus nem mesmo se importa se você sabe ler ou não. Deus apenas quer tocar você e desenvolver a parceria dentro de sua própria mestria interior. Mas, quando você tiver aberto aquela porta e quiser saber mais, haverá seu mestre interior que despertará conhecimentos e ferramentas que estão prontas para lhe ajudar a ver de forma interdimensional.

Número dez: O melhor cidadão é aquele que encontra compaixão em sua vida. O cidadão compassivo é aquele que fará a diferença para sua liderança e por seu país. Você pode imaginar uma Terra onde todas as lideranças são compassivas? Você pode imaginar uma Terra onde os humanos importam-se uns com os outros, não importando onde vivam? Este é o plano! E não é o plano de Deus - é o seu plano! Vocês decidiram que na Terra haverá compaixão e compreensão de um país para outro. Compaixão por Gaia (Mãe Terra) e compaixão pelo meio ambiente. Vocês estão posicionados em um lugar sem nenhum outro paralelo na história, pois representam um movimento mundial de almas que estão despertando e criando uma mudança vibracional na Terra... que resultará em uma mudança enorme. É o início de uma era iluminada onde lentamente a Terra move-se em direção à paz. Isto não apenas é possível, mas está acontecendo. Os Maias mostraram-lhes isto e também os chineses antigos!

Confie que há muitas coisas bonitas acontecendo no planeta. Elas não são repassadas por que não se reporta boas notícias. Elas representam a compaixão da humanidade, mas isto não é muito interessante para aqueles que pedem pelo drama. Sejam pacientes e suportem esta batalha entre a luz e a escuridão.

Número onze: O que Deus realmente quer é que você, por conta própria, veja quem você realmente é. Bravura e coragem – é isto que é necessário, pois esta crença em particular irá te mudar para sempre. De fato, haverá pessoas que observarão sua mudança. De fato haverá pessoas que não irão gostar. Estas são aquelas que não gostam de nenhuma mudança, pois dependem de que você permaneça sem o seu poder. Será que elas não são as que você não precisa em sua vida? Isto é livre arbítrio. Tudo gira ao redor disto. Tudo.

(Composição by Tália: Kryon; Lee Carrol. Tudo sobre Deus. Moscou: 20 maio 2007)

Um comentário:

domingos_verena disse...

Nosso entendimento não nos permite mais fazer a pergunta "Quem é Deus?", mas "Que é Deus?". Entretanto achei o o texto muito bonito, instrutivo e oportuno.

Parabéns!